» » Rede de Controle se reúne no Tribunal Regional Eleitoral

Rede de Controle se reúne no Tribunal Regional Eleitoral

01 08 Reunião Rede de Controle (2)A Rede de Controle da Gestão Pública de Mato Grosso realizou, na tarde desta quarta-feira (01.08), reunião ordinária na sede do Tribunal Regional Eleitoral em Mato Grosso (TRE-MT). Na oportunidade, foram discutidas as estratégias e ações integradas entre o GT Eleitoral e os outros grupos para as eleições deste ano.

Durante o encontro, representantes de órgãos fiscalizadores receberam informações e puderam propor iniciativas para combater fraudes eleitorais como compra de voto, gastos ilegais e outras ações de corrupção. “As proposições feitas à Rede, bem como a troca de know-how entre as instituições membro, contribuíram sensivelmente para o avanço na fiscalização e controle. As ferramentas utilizadas e apresentadas, hoje, pelo TRE/MT serão implementadas no âmbito da Rede de Controle, em especial ao GT Eleitoral, com o intuito de garantirmos maior transparência e lisura do pleito 2018, bem como nos auxiliará no fomento ao controle social”, disse o Procurador-geral Substituto do MPC-MT Alisson Carvalho de Alencar, membro da coordenação executiva da Rede.

O Procurador-chefe da Advocacia Geral da União em Mato Grosso, Alexandre Murata, explicou que as ações de inteligência, muitas vezes não divulgadas à sociedade, evidentemente, pelo sigilo necessário, fazem frente ao crime organizado. “Estamos modernizando nossas ações, trabalhando informações em conjunto e atuando com sinergia. Cada instituição tem recursos e estruturas variadas e justamente essas diferenças são nossas principais armas contra a corrupção”, ressaltou.

O TRE-MT apresentou, durante a reunião, um projeto de estímulo ao Controle Social realizados em escolas e cidades de Mato Grosso. A Audiência Pública da Cidadania já realizou cinco eventos e outros programados. São encontros envolvendo a população e representantes do Tribunal Regional Eleitoral no sentido de conscientizar a sociedade sobre a importância do voto consciente e das ações de cidadania. Na oportunidade, foi apresentado ainda o programa de TV “Cidadania em Debate”. Produzido pela equipe do TRE-MT, o programa veiculado na TV Assembleia e SBT Cuiabá tem o objetivo de discutir o combate à corrupção e o controle social com a sociedade.

Ao final da reunião, o presidente do TCE-MT, conselheiro Gonçalo Domingos de Campos Neto, entregou ao presidente do TRE-MT, desembargador Márcio Vidal, uma lista contendo os nomes de 363 gestores com contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso em 549 processos.